30 de jul de 2009

Fato número um.

Ninguém melhor do que você pra saber sobre os meus defeitos, e ninguém melhor do que eu pra pagá-los por existirem.

Nenhum comentário: